Notícias Notícias

Voltar

Clínica Cirúrgica do Hospital de Clínicas ganha novas instalações

ASSISTÊNCIA

Clínica Cirúrgica do Hospital de Clínicas ganha novas instalações

A ala cirúrgica do 13° andar do Prédio Central do Complexo Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná foi revitalizada para melhor atender os paciente. O espaço chamado de Clínica Cirúrgica II realizará os internamentos pré e pós-operatório de Otorrinolaringologia, Neurologia e Oftalmologia, proporcionando mais conforto e acessibilidade aos pacientes e seus acompanhantes.

A Superintendente do Complexo HC, Claudete Reggiani destacou que desde 1961 (data de fundação do HC) o 13º andar do prédio central do HC não recebia uma reforma, necessitando adequações para poder receber pacientes de cirurgias complexas e que precisam de maior suporte.  “Através da Associação dos Amigos do HC foi realizada essa obra no valor de 750 mil Reais e que comporta pacientes de cirurgias de grande porte com uma condição adequada aos mesmos”, ressalta a superintendente. “Essa ala, pela sua complexidade, será preferencialmente destinada a pacientes de neurocirurgia e otorrinolaringologia”.

O Reitor da UFPR, Ricardo Marcelo Fonseca, agradeceu pelo trabalho da superintendente do CHC e da Associação dos Amigos do HC, reforçando a importância do Complexo na estrutura da universidade, bem como destacou o valor do trabalho de todos os profissionais de saúde e administrativos, professores e residentes do CHC “que efetivamente são os heróis do momento e engrandecem a história deste hospital e desta universidade”.

O Reitor também ressaltou que, neste momento, as universidades públicas e a ciência passaram a ser mais valorizadas graças aos profissionais da saúde e agradeceu aos professores homenageados por todo esforço que abriu o caminho para os demais profissionais.

A entrega das novas instalações é também uma homenagem aos professores Affonso Antoniuk e Marcos Mocellin que tiveram uma trajetória atrelada a esse espaço e que, durante os anos de serviço ao HC, engrandeceram o Complexo em suas atuações de pesquisa, ensino e assistência.

 

Sobre reforma

As novas instalações ampliam a capacidade de internação de 12 para 20 leitos e atendem a preparação e a recuperação de pacientes que passam por cirurgias complexas como implante coclear, retirada de tumores de cabeça e pescoço, neurocirurgias com eletromonitorização e procedimentos para tratamento de epilepsia

Para a chefe da Divisão da Gestão de Cuidado do Hospital de Clínicas, Elizabeth Bernadino, a estrutura, acomodações e equipamentos darão mais segurança à equipe assistencial e comodidade e privacidade aos pacientes. “É um tipo de cirurgia que o paciente precisa de assistência no pós-operatório e o novo espaço é importante, porque possibilita o acompanhamento dos familiares”, relata Elizabeth.

A reforma durou cerca de um ano e abrangeu as oito enfermarias e toda a estrutura do local com 344, 28 m2. Segundo o chefe do Setor de Infraestrutura Física do Hospital de Clínicas, Washington Batista de Souza, foi feita a renovação do piso, paredes e portas, partes elétrica e hidráulica, instalação de gases de oxigênio, vácuo e ar comprimido, aparelhos de ar condicionado em todos os leitos e a construção de banheiros para cada enfermaria. Antes da revitalização, os banheiros eram coletivos e não havia quartos de isolamento, dificultando o acesso dos pacientes.