Notícias Notícias

Voltar

HC-UFG encerra mês de maio com Campanha de incentivo à Higiene de Mãos

PREVENÇÃO

HC-UFG encerra mês de maio com Campanha de incentivo à Higiene de Mãos

Campanha realizada no dia 30/05 abordou a importância da prática para a prevenção de infecções relacionadas à saúde e a importância da adesão às medidas preventivas previstas na NR 32.

A higiene das mãos é uma das medidas de segurança mais importantes para a prevenção das infecções relacionadas à assistência à saúde. Apesar disso, a prática ainda tem baixa adesão dos profissionais de saúde. Por essa razão, o mês de maio é dedicado à realização de ações e campanhas de conscientização em hospitais, clínicas e unidades de saúde com o intuito de alertar e orientar estes profissionais para a importância dessa prática, que previne a disseminação de micro-organismos resistentes.

No Hospital das Clínicas da UFG (HC-UFG), vinculado à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), foi realizada nesta quinta-feira, 30/05, uma campanha de incentivo à higiene de mãos, que contou com a distribuição de materiais educativos e a realização de atividades lúdicas com os profissionais de saúde. A campanha marcou o encerramento das ações realizadas durante o mês de maio no HC-UFG pelo Setor de Gestão da Qualidade e Vigilância em Saúde, coordenado pelo Serviço de Controle de Infecção Relacionada à Assistência à Saúde (SCIRAS), juntamente com a Comissão de Controle de Infecção Relacionada à Assistência à Saúde (CCIRAS) do HC-UFG.

Além da temática de incentivo à higiene de mãos, a campanha tratou também da importância das práticas e precauções padrão que sugerem a adesão à NR 32 (Norma Regulamentadora 32), uma legislação do Ministério do Trabalho e Emprego que estabelece medidas para proteger a segurança e a saúde dos trabalhadores de saúde diante de situações de exposição aos agentes de risco presentes no ambiente de trabalho.

“Isso é muito importante, pois sabemos que a higiene de mãos é uma medida básica e simples, mas que tem grande impacto na qualidade da assistência e na segurança do paciente, pois, se executada nos tempos e nos momentos corretos, de forma adequada, ela pode prevenir até 80% das infecções relacionadas à assistência à saúde”, afirma a enfermeira Dulcelene de Sousa Melo, que integra o SCIRAS do HC-UFG.

“A prevenção das infecções contribui para a qualidade de vida daqueles que são assistidos, bem como daqueles que assistem, diminui o impacto orçamentário de gastos com o tratamento de infecções, permitindo o aumento da nossa capacidade de atendimento, a qualificação da assistência e que o usuário retorne ao seu convívio social com a sua saúde completamente restabelecida ou que, ao menos, seja minimamente tratado em suas necessidades sem causar-lhe dano ou efeito adverso”, destaca Dulcelene Melo.

Segundo a enfermeira, vários são os motivos que explicam a baixa adesão dos profissionais de saúde à higiene de mãos, entre eles estão a sobrecarga de trabalho, a falta de tempo, a qualidade do insumo, que resseca as mãos, além das crenças pessoais e a “falsa percepção do profissional de que ele não oferece risco ao paciente”.

A coordenadora da Unidade de Vigilância em Saúde, enfermeira Cristina Célia Santana destacou que, para a realização da campanha, a equipe do SCIRAS utilizou metodologias ativas, como o uso de jogos e de muitas cores, pois elas contribuem para promover uma maior interação e participação dos profissionais na campanha. “Outro ponto que podemos destacar é que a campanha é realizada sempre no horário de troca de turnos dos profissionais. Neste ano, realizamos a campanha na troca do turno matutino para o vespertino e do vespertino para o noturno”, explicou Cristina Célia. Ela ainda destacou o envolvimento de toda a equipe multidisciplinar e as parcerias de trabalho com a Faculdade de Enfermagem (FEN-UFG), por meio do projeto Integra FEN, como fundamentais para a realização da campanha.

Durante todo o mês, o SCIRAS, por meio do Setor de Gestão da Qualidade e Vigilância em Saúde, com o apoio da CCIRAS e dos residentes multiprofissionais, realizou ações pontuais nas clínicas e serviços do HC-UFG. No dia 05 de maio, Dia Mundial de Higiene das Mãos, realizaram atividade para lembrar aos profissionais de saúde os “5 momentos de higienização das mãos”.

Imagens:

Ascom HC-UFG/Ebserh