Notícias Notícias

Voltar

Residências Multiprofissionais da Furg promovem Simpósio

Oportunidade

Residências Multiprofissionais da Furg promovem Simpósio

Evento é voltado aos graduandos e profissionais de saúde

Os programas de Residência Integrada Multiprofissional Hospitalar com Ênfase na Atenção à Saúde Cardiometabólica do Adulto (RIMHAS) e de Residência Multiprofissional em Saúde da Família (RMSF) promovem o “I Simpósio das Residências Multiprofissionais da FURG: Os desafios da multiprofissionalidade para o cuidado integral em saúde”. O evento será realizado em 17 de outubro, das 8h às 17h, no Anfiteatro Prof. Vicente Mariano Pias, na Área Acadêmica Prof. Newton Azevedo.
 
Com a realização de mesas-redondas, o Simpósio visa apresentar os programas de Residência Multiprofissional, RIMHAS e RMSF, sob a perspectiva dos residentes, preceptores, tutores, coordenadores e representantes da gestão, a fim de suscitar reflexões acerca da educação em serviço.  E, também, busca divulgar os Programas de Residências Multiprofissionais da Universidade Federal do Rio Grande (FURG) como possíveis campos de formação e prática, promovendo reflexões acerca dos modelos de assistência e das atividades voltadas à educação.
 
A RIMHAS é desenvolvida no Hospital Universitário Dr. Miguel Riet Corrêa Jr. da Universidade Federal do Rio Grande (HU-Furg), vinculado à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), com possibilidades de inserção na Rede Municipal de Saúde e outras instituições hospitalares durante realização do estágio eletivo. Já a RMSF é desenvolvida na Rede Municipal de Saúde Rio-grandina, sendo o primeiro ano realizado nas Unidades Básicas de Saúde da Família (UBSFs), e o segundo ano prevê a realização de vivências trimestrais em dispositivos da Rede Municipal de Saúde, bem como a inserção em setores do HU-Furg.

Os programas têm duração de dois anos, recebem profissionais das áreas de Enfermagem, Psicologia e Educação Física, e contribuem na qualificação dos profissionais de saúde, por meio de atividades práticas e aprimoramento de conhecimentos relacionados ao processo saúde-doença, através da inserção em diferentes serviços conforme os princípios e as diretrizes do SUS.
 
As inscrições são gratuitas e on-line,  pelo site https://sinsc.furg.br/detalheseventos/1070, e podem ser realizadas até o dia 16 de outubro.
 
Programação
O simpósio será realizado nos turnos manhã e tarde, conforme segue:
8h - 8h30min: Credenciamento
8h30min - 9h: Recepção de boas-vindas
9h - 9h45min: A residência multiprofissional da FURG e seus impactos nos espaços de saúde
9h45min - 10h30min: Afinal, o que o residente multidisciplinar em saúde faz? Sobre o saber, o fazer e o sentir na residência multiprofissional em saúde
10h30min - 10h45min: Intervalo
10h45min - 11h 30min: As interfaces entre a profissionalidade e a discência
11h30min - 13h30min: Intervalo para almoço
13h30min - 14h15min: Desafios da Multiprofissionalidade no Território
14h15min - 14h 30min: Divulgação do Processo Seletivo 2020
14h30min - 15h30min: Terminei a residência e agora? Reflexões de profissionais de saúde egressos
15h30min - 16h: Encerramento

 

Sobre a Rede Hospitalar Ebserh

O Hospital Universitário Dr. Miguel Riet Corrêa Jr. da Universidade Federal do Rio Grande (HU-Furg) faz parte da Rede Hospitalar Ebserh desde julho de 2015. Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) foi criada em 2011 e, atualmente, administra 40 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência.

Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas. Devido a essa natureza educacional, a os hospitais universitários são campos de formação de profissionais de saúde. Com isso, a Rede Hospitalar Ebserh atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde do país.

 

Assessoria de Comunicação do HU-Furg/Ebserh