Notícias Notícias

Voltar

HU inicia implantação das Práticas Integrativas e Complementares em Saúde

PICS

HU inicia implantação das Práticas Integrativas e Complementares em Saúde

Seminário abrange oficinas de Auriculoterapia, Quick Massage, Reiki, Terapia Comunitária Integrativa, Ervas Medicinais e escalda pés.

De acordo com texto divulgado pelo Ministério da Saúde, “as Práticas Integrativas e Complementares (PICS) são tratamentos que utilizam recursos terapêuticos baseados em conhecimentos tradicionais, voltados para prevenir diversas doenças como depressão e hipertensão. Em alguns casos, também podem ser usadas como tratamentos paliativos em algumas doenças crônicas”.

Para difundir conhecimentos sobre o tema, o Hospital Universitário da Universidade Federal de Sergipe (HU-UFS), filial da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), promove, nesta terça e quarta, 30 e 31 de julho, o I Seminário de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde do HU-UFS.

A programação foi aberta hoje, 30, com o tema Os 12 anos da Política Nacional de Práticas Integrativas: Avanços e Perspectivas, sob facilitação da Referência Técnica das Práticas Integrativas no Estado de Sergipe Rosemary Barbosa. Em seguida, a coordenadora do Movimento Popular de Saúde em Sergipe, Simone Leite, falou sobre Perspectivas das PICS no Estado de Sergipe.

Como nasceu a proposta de PICS no HU foi o tema da apresentação do programa PICS no HU, com as facilitadoras Maria do Patrocínio e Flávia Costa. Elas antecederam a exposição sobre o Papel da Liga de PICS como apoiadores das práticas no meio acadêmico, com a facilitadora Tereza Raquel Sena. Finalizando a programação da manhã, o psicólogo Jakson Gama ficou responsável pela fala Humanização e PICS no HU - Dança Circular Sagrada.

Continuidade

À tarde, a programação se concentra em Terapias Vibracionais na Dinâmica da Auto Cura, com Dani Corbett; Evidências Científicas do uso da Aromaterapia no Controle da Ansiedade, com Tiago Costa; Mindfulness: Um Instrumento Compassivo da Medicina Integrativa, com Ana Cecília e Fitoterapia e Plantas Medicinais no SUS, com Rosemary Barbosa.

De acordo com a enfermeira do HU-UFS, Maria do Patrocínio Oliveira, que está à frente da implantação das PICS no hospital, o principal objetivo do evento é trazer para a comunidade universitária o máximo de informações sobre as Práticas Integrativas e Complementares, fortalecendo essas ações dentro do ambiente do HU.

“A finalidade é implantar o serviço de forma mais estruturada. O hospital já tem algumas ações isoladas, como homeopatia pediátrica, acupuntura, aromaterapia, estamos implantando o reiki e, eventualmente, temos também as danças circulares”, cita.

Ponto de partida

Ela explica que existe um projeto para implantação das PICS, já apresentado à direção do hospital e aprovado pelo Colegiado Executivo. “Uma das etapas do projeto, que já estamos cumprindo, é justamente esse seminário de sensibilização. A nossa proposta é que sejam ofertadas as PICS tanto para a comunidade universitária como também para os usuários do SUS atendidos no HU. Vamos ampliá-lo gradativamente para outros públicos”, pontua Maria do Patrocínio.

“O acesso será por demanda espontânea, ou seja, aquele servidor que deseja ser atendido não necessariamente precisa estar doente, pois as PICS são também prevenção, e por encaminhamento via profissionais de saúde. Semanalmente vamos fazer uma palestra de cerca de 15 minutos na Sala de Reunião do Ambulatório. Após a reunião, a gente já faz o agendamento dessas demandas espontâneas”, detalha a enfermeira.

“Hoje já temos pediatra, anestesista, enfermeiro, psicólogo e farmacêutico envolvidos. Inicialmente são esses profissionais, mas depois desse seminário, a nossa expectativa é que mais pessoa sejam agregadas ao projeto”, diz Maria do Patrocínio.

Programação

A programação da quarta-feira, 31, inclui Alguns Esclarecimentos sobre Homeopatia - Hipnose: mitos e verdades, com Sonia Farias; A Arteterapia e suas Aplicações Clínicas, com Alexandre Silveira; Cuidados Paliativos na Acupuntura, com Vera Azevedo; Meditação e seus Benefícios na Saúde: Evidências Científicas, com Thiago Henrique; Constelação Familiar Sistêmica: Movimentos da Alma, com Auri Nunes e Acupuntura Tradicional Chinesa: Aplicações e Benefícios, com Gilmar Cruz.

Encerrando o evento, ocorrem as oficinas: Auriculoterapia, Quick Massage, Reiki, Terapia Comunitária Integrativa, Ervas Medicinais e escalda pés.

Compuseram a mesa de abertura do seminário o gerente administrativo do HU-UFS, Edélzio Costa Júnior, representando o reitor da UFS e a superintendência do hospital; a chefe da Divisão de Gestão do Cuidado, Ana Paula Lemos; a representante da superintendência estadual do Ministério da saúde, Maria Angélica Ribeiro; a coordenadora do Movimento Popular de Saúde em Sergipe, Simone Leite; o coordenador da Liga Acadêmica de PICS, Murilo Marchioro e a Referência Técnica das Práticas Integrativas no Estado de Sergipe, Rosemary Barbosa.

Sobre a Rede Hospitalar Ebserh

O Hospital Universitário da Universidade Federal de Sergipe (HU-UFS) faz parte da Rede Hospitalar Ebserh desde outubro de 2013. Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) foi criada em 2011 e, atualmente, administra 40 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência.

Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas.

Devido a essa natureza educacional, os hospitais universitários são campos de formação de profissionais de saúde. Com isso, a Rede Hospitalar Ebserh atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde do país.

Por Andreza Azevedo

Imagens: