Notícias Notícias

Voltar

Servidores participam de treinamentos para uma assistência qualificada

EDUCAÇÃO PERMANENTE

Servidores participam de treinamentos para uma assistência qualificada

O Núcleo de Educação Permanente do HU-UFS integrou colaboradores em sete palestras voltadas ao desenvolvimento de potencialidades.

O Núcleo de Educação Permanente em Saúde (NEP) do Hospital Universitário da Universidade Federal de Sergipe (HU-UFS), vinculado à Rede Ebserh, realizou o 6º Ciclo de Educação Permanente, como forma de capacitar e treinar os servidores para desenvolver as suas potencialidades. Num intervalo de dez dias, o NEP promoveu sete palestras, sempre com turmas matutinas e vespertinas, com o intuito de envolver o maior número possível de colaboradores.

Os ciclos de educação em saúde fundamentam-se na necessidade de atualização permanente dos profissionais das equipes que formam o HU-UFS, a fim de que reflitam sobre as próprias práticas e evoluam nas suas atividades. “Desenvolvemos essas palestras já há alguns anos. Essencialmente, são temas específicos da enfermagem. O enfoque implica uma concepção das práticas de capacitação dos trabalhadores de saúde. Propomos centrar os processos educativos na análise e reflexão sobre as práticas cotidianas, com uma perspectiva institucional e organizacional”, explica a enfermeira e coordenadora do NEP, Josiene Teles.

Objetivo e temas

A enfermeira Josiene garante que o principal objetivo do ciclo de educação permanente é o de melhorar o processo de trabalho das equipes de saúde do HU-UFS, em busca da atualização do desempenho dos profissionais dentro das possibilidades da prática diária. Antes de organizar o ciclo de palestras, o NEP elabora um diagnóstico das necessidades de melhoria, principalmente do setor de enfermagem, e decide quais temas são importantes para a abordagem.

Neste 6º Ciclo, trataram-se os seguintes temas: ginástica cerebral; inovações tecnológicas, repercussões no cuidado de enfermagem e linguagem padronizada no processo de enfermagem; programa de gerenciamento de resíduos nos serviços de saúde; assistência de enfermagem em ocorrências obstétricas; prevenção de infecções relacionadas à assistência à saúde e precauções baseadas em transmissões; práticas seguras na hemoterapia; e boas práticas de enfermagem no manejo de cuidados e eventos adversos em oncologia.

Sobre a Rede Ebserh

Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) foi criada em 2011 e, atualmente, administra 40 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência.

Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas. Devido a essa natureza educacional, os hospitais universitários são campos de formação de profissionais de saúde. Com isso, a Rede Hospitalar Ebserh atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde do país.

Por Luís Fernando Lourenço

Imagens: