Notícias Notícias

Voltar

Mutirão no HU fará parte de campanha nacional do câncer de pele

DEZEMBRO LARANJA

Mutirão no HU fará parte de campanha nacional do câncer de pele

O evento é uma parceria com a Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Uma campanha para prevenir o câncer de pele, que faz cerca de 180 mil novos casos ao ano, terá lugar em várias partes do Brasil na primeira semana de dezembro. Em Aracaju, a iniciativa da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) ocorrerá no Hospital Universitário da Universidade Federal de Sergipe (HU-UFS), vinculado à Rede Ebserh, no próximo dia 7, das 9h às 15h.

A campanha da SBD, conhecida como dezembro laranja, acontece todos os anos, desde 2014. “O objetivo é alertar a população sobre a prevenção da doença e sobre os principais sinais de alerta para o diagnóstico de câncer de pele”, explica a dermatologista do HU-UFS, Martha Débora. Em todo o Brasil, inclusive no HU-UFS, serão realizados atendimentos por dermatologistas no próximo sábado, 7.

Durante o mutirão, haverá palestra educativa e triagem com médicos dermatologistas para diagnóstico de câncer de pele. Em Aracaju, o coordenador da campanha é o dermatologista Bruno Santana, que também exerce atividades ambulatoriais no HU-UFS.

Serviço:

O quê: mutirão de diagnóstico de câncer de pele no HU-UFS.

Quando: dia 7 de dezembro de 2019, das 9h às 15h.

Onde: Ambulatório de Dermatologia do HU-UFS.

Sobre a Rede Hospitalar Ebserh

O HU-UFS faz parte da Rede Hospitalar Ebserh desde outubro de 2013. Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) foi criada em 2011 e, atualmente, administra 40 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência.

Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas. Devido a essa natureza educacional, a os hospitais universitários são campos de formação de profissionais de saúde. Com isso, a Rede Hospitalar Ebserh atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde do país.

Por Luís Fernando Lourenço