Ações e Programas Ações e Programas

Ações e Programas

Ações e Programas

Plano Diretor Estratégico (2016-2017)

Plano Diretor Estratégico (2019-2021)

Relatório de Gestão do Exercício 2018
Relatório de Gestão do Exercício 2017
Relatório de Gestão do Exercício 2016
Relatório de Gestão do Exercício 2015
Relatório de Gestão do Exercício 2014

SETOR DE HOTELARIA HOSPITALAR

O Setor de Hotelaria Hospitalar, em virtude do novo coronavírus, adequou suas atividades para atender às Instruções Normativas da Reitoria da Universidade Federal de Sergipe, e levando também em consideração o trabalho que o HU-UFS passou a realizar a partir do mês de março, com atendimento reduzido de consultas, exames e procedimentos cirúrgicos eletivos (deliberação do Comitê de Enfrentamento às SARS/Covid-19 e Colegiado Executivo do HU). Nesse sentido, a chefia da Hotelaria Hospitalar montou uma escala com os colaboradores do setor, sem, com isso, prejudicar os serviços que estão sob a sua responsabilidade.

É importante lembrar que os trabalhos remotos do setor, executado pelos colaboradores, dizem respeito à criação de POPs, referentes aos serviços essenciais com relação à Covid-19, a exemplo:

  1. POP sobre a higienização interna da UTI e Enfermaria de atendimento aos pacientes com Covid-19;

  2. POP sobre a higienização externa da área hospitalar;

  3. POP sobre o recolhimento e a lavagem das roupas privativas dos médicos, enfermeiros e auxiliares que estão à frente do tratamento dos pacientes com Covid-19;

  4. POP sobre o fornecimento de alimentos adequados para pacientes e servidores em atuação na Covid-19;

  5. POP sobre recolhimento e descartes de lixo infectante; e

  6. POP para a higienização das câmaras frigoríficas onde serão colocados os cadáveres dos pacientes com Covid-19.

 

SETOR DE SUPRIMENTOS

Ações para o ano de 2020:
1. Reunião com os colaboradores (chefe da UAPS, assistentes administrativos, enfermeiro e almoxarifes) sobre as medidas de prevençãoà Covid-19, com orientação quanto às principais medidas preventivas;
2. Readequação da  atividade de entrega de material aos solicitantes  nas áreas de internamento (clínicas, UTI, Centro Cirúrgico) e requerimento ao fiscal de contrato para  disponibilização de equipamento de proteção individual para os almoxarifes;
3. Elaboração de planilhas sobre o estoque de equipamento de proteção individual, previsão em dias do tempo de suprimento e envio à DLIH para análise e ciência;
4. Solicitação de emissão de nota de empenho de equipamentos de proteção individual (avental descartável, luva de procedimento, luva cirúrgica, máscara cirúrgica tripla, máscara tipo respirador PFF2) e outros insumos (álcool gel, álcool etílico a 70%, sistema  fechado de aspiração traqueal),  disponíveis  em ata de Sistema de Registro de Preços para aquisição imediata, considerando tempo de suprimento de, pelo menos, 180 dias a partir da média mensal de consumo;
5. Diante das negativas de entrega dos materiais solicitados aos fornecedores por desabastecimento, elaboração de processos de aquisição por meio de dispensa de licitação no SEI (23530.005279/2020-87;23530.004867/2020 - 01 e 23530.004858/2020 -11);
6. Preenchimento de planilhas solicitadas pela EBSERH em tempo real nos processos SEI 23530.003820/2020-75 e 23530. 001673/2020-38 para subsidiar aquisições centralizadas de insumos para o contingenciamento COVID 19, por meio de chamamentos públicos;
7. Controle de doações recebidas;
8. Alteração do fluxo de dispensação de equipamentos de proteção individual por meio de alinhamento feito junto ao Cômite de Crise e à Sost, considerando a extrema dificuldade de aquisição e racionalização do uso dos referidos insumos,  objetivando minimizar os riscos de desabastecimento;
9. Acompanhamento rigoroso dos processos de aquisição, inclusive com abertura de processos de aplicação de penalidades, se cabível;
10. Controle das notas de empenho emitidas  para aquisição de insumos;
11. Liberação do trabalho remoto para os colaboradores conforme orientações e medidas elencadas no processo SEI 23530.004407/2020-75;
12. Readequação do espaço de armazenamento para possibilitar recebimento do material em maior volume do que o habitual;
13. Ampliação das medidas de segurança e controle do estoque dos materiais armazenados por meio da realização frequente de "inventário" por amostragem, e solicitação de adequação no Sistema de Gestão de Estoque Genus para lançamento de todas as doações recebidas, até mesmo as de pessoas físicas.
 
SETOR DE ENGENHARIA CLÍNICA

Em 2020, o Setor contrará nova empresa para auxiliar nas atividades rotineiras de Gestão da Manutenção do Parque de Equipamentos Médicos do HU-UFS. Também está prevista a execução do Plano de Aquisição de Equipamentos Médicos do HU-UFS (4865127).

Conforme as novas diretrizes de planejamento da Ebserh, o Plano de Aquisição de Equipamentos Médicos do HU-UFS será executado parceladamente conforme programação anual.

Para o enfrentamento da pandemia de Covid-19, elencam-se as principais ações emergenciais realizadas e que serão mantidas, nas devidas proporções, durante o ano de 2020:

  1. Montagem de UTI provisória para atendimento a pacientes infectados com a Covid-19, no Centro Cirúrgico 2, onde foram criados, conforme pactuação do hospital, 14 leitos de UTI, com Ventilador Pulmonar e Monitor Multiparamétrico, além de todos os demais equipamentos inerentes a uma UTI, conforme RDC 7, e alguns mais inerentes ao tratamento de pacientes infectados com Covid-19;
  2. Preparação de duas alas de internação do hospital para atendimento a pacientes infectados com Covid-19;
  3. Preparação da Unidade de Diagnóstico por Imagem para atendimento a pacientes infectados com Covid-19;
  4. Aquisição Emergencial de Equipamentos Médicos do HU-UFS para atendimento a pacientes infectados com Covid-19, tais como: videolaringoscópio, estetoscópios, colchões pneumáticos, módulos de pressão invasiva, ventiladores pulmonares e monitores multiparamétricos.