Notícias Notícias

Voltar

HU distribui 8 mil bisnagas de álcool 70% para colaboradores

Covid-19

HU distribui 8 mil bisnagas de álcool 70% para colaboradores

O material está sendo repassado para as chefias e entregue para os colaboradores de todas as áreas do hospital

A superintendência do Hospital da Universidade Federal de Santa Catarina Professor Polydoro Ernani de São Thiago (HU-UFSC) está distribuindo para seus colaboradores 8 mil bisnagas de álcool em gel 70% para uso pessoal. O material está sendo entregue na Direção para as chefias e repassado para os trabalhadores, inclusive terceirizados, e residentes.
As embalagens foram cedidas pela empresa C-Pack Creative Packaging, de São José; o álcool em gel foi doado pela empresa Dahuer Laboratório Ltda, de Balneário Camboriú, que também realizou o envase. As duas empresas receberam ofício da superintendência, agradecendo pela doação do material e do serviço.

O CEO (Chief Executivo Officer) da C-Pack Creative Packaging, José Maurício Coelho, enviou mensagem para o HU ressaltando a importância deste tipo de atividade por parte do setor empresarial. “Faz parte do nosso papel enquanto instituição social. Toda indústria, por mais automatizada que seja, é um organismo humano e social e, portanto, não pode ficar alheia aos indispensáveis esforços que se fazem necessários principalmente nesse momento", descreveu o executivo da indústria.

Em cada bisnaga, foi colocada a mensagem da superintendente do hospital, Maria de Lourdes Rovaris, para a equipe: “Duas empresas contribuíram para que este álcool em gel 70% chegasse às nossas mãos. Elas representam os 7 milhões de catarinenses que reconhecem a importância de nosso trabalho e contam conosco no enfrentamento da pandemia do coronavírus. Estamos juntos nesta caminhada”.


O HU dispõe de mais de 700 dispensers de álcool em gel 70% espalhados por todas as suas áreas. De acordo com o Setor de Hotelaria Hospitalar, atualmente são disponibilizados cerca de 175 litros semanais de álcool pela instituição, sendo que dois funcionários percorrem as unidades para verificar a necessidade de reposição.

Sinval Paulino/Unidade de Comunicação Social HU-UFSC