Notícias Notícias

Voltar

Jornada Científica reúne 330 participantes

Conhecimento

Jornada Científica reúne 330 participantes

Evento debateu a importância da interprofissionalidade na atenção hospitalar

Na última terça-feira (12), os 43 mil² de área construída do Hospital Universitário de Brasília (HUB-UnB) ficaram pequenos diante do tamanho do conhecimento compartilhado. A 18ª edição da Jornada Científica do HUB reuniu 330 pessoas, que lotaram corredores, auditório e salas de aula da Unidade 1.

Foi um dia intenso de troca de experiências entre estudantes, residentes, professores e profissionais em torno da “Interprofissionalidade na atenção hospitalar”, tema escolhido pelos próprios residentes. “Quanto mais integrada a equipe estiver, melhor para o paciente. A Jornada é uma oportunidade ímpar e um dos poucos momentos na residência para discutir o assunto”, afirmou o residente em Clínica Médica, Isaac Braz.

Ao longo do dia, os participantes acompanharam quatro painéis sobre saúde mental, cuidados paliativos, sepse e competências do profissional do futuro. “São temas muito interessantes. Este é o melhor ambiente para conhecer pontos de vista de outras profissões”, avaliou a estudante de enfermagem da Escola Superior de Ciências da Saúde (ESCS), Ana Sarah Soares.

As atividades foram conduzidas por 20 palestrantes, entre profissionais do HUB, da Universidade de Brasília (UnB) e de outras instituições do Distrito Federal e de Minas Gerais (MG). “É muito importante ter essa conexão com vários tipos de profissionais e diferentes olhares”, disse a residente multiprofissional em Terapia Ocupacional, Geysa de Sousa, que assistiu aos painéis sobre cuidados paliativos e saúde mental.

Os 18 integrantes da Comissão Científica do evento se dividiram para avaliar os 107 trabalhos aprovados, divididos em 22 apresentações orais e 85 pôsteres. “A prática clínica é muito enraizada no dia a dia e não permite essa troca de experiências que aconteceu aqui, ambiente de estímulo à produção do conhecimento”, afirmou a professora de farmacologia da Faculdade de Ciências da Saúde (FS-UnB), Djane Braz Duarte.  

Os estudantes do 3º semestre de odontologia da UnB, Otávio Castanheira e Paula Pereira Carvalho, levaram em formato de pôster a experiência do projeto de extensão desenvolvido na Unidade de Oncologia do HUB. “Eventos como este nos estimulam a aprender cada vez mais”, avaliou Paula.

Assistência hospitalar ao paciente indígena foi o tema da apresentação oral do técnico de enfermagem do HUB, Edson Oliveira. “Inscrevi o trabalho para dar visibilidade ao Ambulatório de Saúde Indígena e também levar a discussão sobre este tema para outros espaços dento do HUB”, ressaltou.

A interprofissionalidade na atenção hospitalar
O tema norteou o discurso de boas-vindas durante a abertura da Jornada, no início da manhã. “É um momento de construir um modelo formativo que qualifique a prestação do serviço de saúde do país e fortaleça nosso Sistema Único de Saúde”, declarou a superintendente do HUB, Elza Noronha. “Não existe cuidado centrado na pessoa se não tiver trabalho colaborativo em equipe”, acrescentou a gerente de Ensino e Pesquisa, Dayde Mendonça.

Dois residentes compartilharam experiências sobre a atuação em equipe multidisciplinar. “Os saberes fragmentados não são mais suficientes. Temos que fazer o atendimento em conjunto”, disse a enfermeira da residência multiprofissional em atenção oncológica, Ana Caroline Motta. “No mundo moderno, precisamos ouvir os saberes diferentes e integrar nossos conhecimentos”, acrescentou o residente médico em radiologia, Vitor Xavier Neto.

Representantes da UnB também reforçaram a importância do tema, considerado pelo diretor da FS, Laudimar Oliveira, como “fundamental para tornar o atendimento em saúde mais humanizado”. “Nossa proposta é integrar para que as profissões interajam e cresçam juntas”, disse a coordenadora de curso da Faculdade de Medicina, Selma Kuckelheus. “Se desconheço a profissão do outro, preciso desenvolver a habilidade da prática colaborativa”, explicou a coordenadora do Projeto Pet-Saúde de Interpofissionalidade da Faculdade de Ceilândia, Clélia Parreira. 

Certificados
Os certificados de participação estarão disponíveis na Área do Participante do site da Jornada a partir de 30 de novembro para todos que se inscreveram previamente e passaram pelo credenciamento no dia do evento.

Já os certificados de apresentação de trabalho e menção honrosa serão emitidos a partir de 11 de dezembro, também na Área do Participante. Lembre-se de que você precisa fazer login no site da Even3 para conseguir acessá-los.

Imagens:

Assessoria de Comunicação do HUB