Notícias Notícias

Voltar

Hucam-Ufes inicia a retomada de atendimentos ambulatoriais

Consultas eletivas

Hucam-Ufes inicia a retomada de atendimentos ambulatoriais

Retorno será gradativo; adaptações foram realizadas para prevenir contaminação pelo novo coronavírus

VITÓRIA (ES) - Neste mês de agosto, o Hospital Universitário Cassiano Antônio Moraes (Hucam-Ufes), integrante da Rede Ebserh, iniciou a retomada das consultas ambulatoriais suspensas desde março por causa da pandemia de Covid-19.

A volta será gradativa. Apenas pacientes previamente agendados podem acessar os ambulatórios. Neste reinício, o hospital trabalha com uma capacidade menor de atendimentos. Terá que ser assim para que seja possível controlar o fluxo de pessoas em circulação no Hucam, uma vez que, apesar do retorno, a pandemia não acabou, e as regras de isolamento social deverão ser mantidas.

Até então, nesta pandemia, apenas cerca de 25% dos pacientes de ambulatórios estavam sendo atendidos presencialmente. Estes eram os casos mais urgentes, a depender da avaliação médica individual. Desde março, quem teve a consulta suspensa recebeu por telefone uma nova data para volta. Caso seja necessária uma nova remarcação, o hospital irá entrar em contato, logicamente antes do dia da consulta, também por telefone.

Como será o atendimento

Quem conhece os ambulatórios do Hucam já percebe algumas diferenças. Tendas de acolhimento foram montadas do pátio do hospital para orientar os pacientes que chegarem para consulta e informar sobre novas regras.

Só é permitida a circulação de quem estiver com máscara, ainda que seja a de tecido.

Não é permitido o ingresso de acompanhantes dentro dos ambulatórios, as conhecidas ‘Casas’. A exceção é para os casos previstos em legislação, como para o paciente menor de idade ou incapaz.

A marcação de consultas será feita apenas pelo telefone 27-3335-7100 (confira a seção de perguntas e respostas mais frequentes).

Há funcionários do Hucam com identificação destacada para impedir aglomerações, e dispensadores de álcool foram instalados em todo o hospital. Outras medidas de biossegurança foram a de marcação de cadeiras para garantir uma distância mínima entre as pessoas e barreiras de vidro nas recepções. No final de julho, uma equipe especializada do Exército Brasileiro esteve nos ambulatórios para realizar desinfecção de salas e área externa.

Uma vez na porta do ambulatório, um profissional de saúde irá medir a temperatura corporal e analisar se o usuário tem sintomas gripais (foto principal). Caso os tenha, o paciente será orientado a procurar a rede básica de saúde.

Além disso, parte dos atendimentos será feira por teleconsulta. Nesta modalidade de atendimento. Inaugurada no hospital durante a pandemia para casos específicos, o paciente consegue acessar o profissional de saúde por videochamada.

Sobre a Ebserh

O Hucam-Ufes faz parte da Rede Ebserh desde 2013. Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) foi criada em 2011 e, atualmente, administra 40 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência.

Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas.

Devido a essa natureza educacional, a os hospitais universitários são campos de formação de profissionais de saúde. Com isso, a Rede de Hospitais Universitários Federais atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde do país.

Imagens: