Notícias Notícias

Voltar

Hucam-Ufes começa a fazer consulta médica a distância

Telemedicina

Hucam-Ufes começa a fazer consulta médica a distância

Tecnologia da Unidade de e-Saúde do hospital vai permitir acompanhamento de pacientes em isolamento social por causa da pandemia de Covid-19

VITÓRIA (ES) - O Hospital Universitário Cassiano Antonio Moraes (Hucam-Ufes) iniciou esta semana a consulta médica a distância, por meio de um servidor seguro de internet, em que paciente e especialista se falam usando câmera e microfone.

Por causa da pandemia do novo coronavírus, o Conselho Federal de Medicina autorizou a teleconsulta em caráter excepcional. O Hucam-Ufes, que há 10 anos mantém seu Serviço de Telessaúde, aproveitou a experiência e tecnologia desenvolvidas para colocar a consulta a distância na prática.

Da casa do paciente – e com consentimento dele, claro – ele pode acessar a rede com o próprio celular e se conectar com o computador do médico, que está no hospital. O serviço mostra-se fundamental para evitar a circulação desnecessária durante a imposição de distanciamento social, sobretudo de pacientes com outras comorbidades e no grupo de risco para o desenvolvimento das formas mais graves da Covid-19. Além disso, protege os médicos que estão na faixa de idade de população de risco, evita aglomerações em salas de espera e mantém maior número de profissionais experientes em atividade.

Não é qualquer consulta que pode ser a distância. Há casos que precisam de análise presencial com urgência, e essas pessoas seguem sendo atendidas no hospital, que confirma individualmente a consulta. Há outros casos que necessitam apenas de acompanhamento, mas que não podem esperar o isolamento social passar. Esses são os maiores candidatos à teleconsulta. Lembrando que o Hucam, desde o dia 20 de março suspendeu consultas, exames e cirurgias eletivas, como medida de enfrentamento à pandemia.

Especialidades estão sendo oferecidas para teleconsulta: Geriatria, Infectologia, Ginecologia, Dermatologia e Psiquiatria.

Horários de atendimento: 2ª a 6ª feira pela manhã e  à tarde

 

Como acontece?

Equipe do Ambulatório – seleciona os pacientes fortes candidatos a interação a distância. Faz contato com o paciente ou responsável e verifica se há interesse em realizar teleconsulta. A  premissa obrigatória é o prévio estabelecimento de uma relação presencial entre médico e paciente e deve ser devidamente consentido pelo paciente ou seu representante legal, além de ser realizado por livre decisão. O médico tem autonomia e independência para determinar quais pacientes podem ser atendidos usando esta metodologia e tal decisão deve basear-se apenas no benefício e segurança de seus clientes.

Equipe do Telessaúde

Dá acesso  ao paciente e ao profissional para a consulta remota, faz os devidos testes de som e vídeo para garantir a qualidade do atendimento,  monitora a manutenção das condições adequadas da estrutura física, tecnológica, normas técnicas, manuseio e transmissão de dados, garantindo confidencialidade, privacidade e sigilo profissional.

Profissional  Especialista  

Confirma interesse e conhecimento do paciente e realiza atendimento remoto, garantindo a equivalência à consulta presencial e registra no prontuário clínico.

 

Sobre outros serviços oferecidos pela Unidade de e-Saúde do Hucam-Ufes

1)Teleconsultoria  especializada  em COVID-19 para apoio à Atenção Primária em Saúde. A integração da telessaúde ao processo de referência entre serviços assistenciais aumenta a resolutividade da Atenção Primária à Saúde (APS), favorece a coordenação do cuidado, promove adesão terapêutica, diminui reinternações e estimula a prevenção quaternária. O Hucam está como retaguarda para 2ª opinião sobre COVID-19 aos profissionais das unidades de saúde de todo estado, para casos clínicos ou dúvidas de processo de trabalho.

2) Teleinterconsulta - interação entre médicos, o que pode ajudar os profissionais em tomadas de decisão;

3) Tele-educação – Programa parte do Telessaúde ES, que mantém disponíveis mais 400 webpaletras dedicadas a educação permanente dos profissionais da atenção primária. Sobre o COVID-19, tem atualização semanal de conteúdos referentes ao manejo e complicações.

 

A Unidade e-Saúde do Hucam-Ufes   dedica-se ao ensino, à assistência e ao desenvolvimento de projetos e ações em saúde digital, usando as Tecnologias da informação e Comunicação (TICs) na saúde desde 2010. O núcleo contabiliza mais de 10 mil teleconsultorias respondidas e mais de 12 mil profissionais cadastrados que se beneficiam do contato direto com especialistas do Hucam-Ufes como parte do Programa Telessaúde ES.