Notícias Notícias

Voltar

"Polvoando com amor" chega a UTI Neonatal

Parceria

"Polvoando com amor" chega a UTI Neonatal

Quarenta polvinhos foram entregues esta semana (31/07/). As voluntárias se propuseram a doar no mínimo 15 por mês para atender a necessidade da UTI Neonatal e U5 (semi-intensivo).

Um grupo de voluntárias da Igreja Assembleia de Deus do bairro Goiabeiras, em Cuiabá, se reuniu para fazer pequenos polvos de crochê que foram doados para bebês prematuros que estão internados no Hospital Universitário Júlio Müller (HUJM-UFMT/Ebserh). Os polvos do projeto 'Polvoando com amor' vão ajudar na recuperação dos bebês. Segundo especialistas na área da saúde, o brinquedo causa uma sensação parecida ao útero materno e promete ajudar na melhora dos sistemas respiratórios e cardíacos dos recém-nascidos.
 
A ideia de realizar o projeto surgiu ainda quando a pastora Fátima Santana Yule estava em Barretos (SP) acompanhando o filho em um tratamento de saúde, mas faltava escolher onde executar o projeto na Capital mato-grossense. A resposta veio quando a Pastora através da senhora Rosires Albino, que conheceu o trabalho desenvolvido pelo HUJM. Rosires estava acompanhando uma haitiana em trabalho de parto e percebeu o quanto esse projeto poderia ajudar no tratamento dessas crianças.
 

Quarenta polvinhos foram entregues esta semana (31/07/). As voluntárias se propuseram a doar no mínimo 15 por mês para atender a necessidade da UTI Neonatal e U5 (semi-intesivo). A enfermeira do Banco de Leite Humano do HUJM, Nely Alves de Castro Lima, ressalta que a oferta constante de mais material será importante pois os bebes poderão levar os polvinhos para casa, mantendo o vínculo e guardando uma boa lembrança da superação e do acolhimento recebido no hospital.

“É um trabalho voluntário feito com muito amor e que envolve as mulheres da comunidade”, relata emocionada a idealizadora do projeto.

Sobre a Ebserh
 
Único hospital público federal de Mato Grosso, o HUJM é administrado desde 2014 pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh). Estatal vinculada ao Ministério da Ebserh atua na gestão de hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do SUS, e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.
 
A empresa, criada em dezembro de 2011, administra atualmente 39 hospitais e é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações em todas as unidades existentes no país, incluindo as não filiadas à Ebserh.

Imagens:

Assessoria de Comunicação