Notícias Notícias

Voltar

Huol garante abastecimento com máscaras de produção própria

ESFORÇO

Huol garante abastecimento com máscaras de produção própria

Iniciativa atende normas da Anvisa, da confecção à descontaminação

O Hospital Universitário Onofre Lopes, vinculado à Universidade Federal do Rio Grande do Norte e a Rede Hospitalar Ebserh (Huol-UFRN/Ebserh), mobilizou diversos setores para assegurar a forma mais segura de manter o abastecimento de máscaras durante o período de pandemia: produzir os próprios itens.

De acordo com a gerente administrativa do Huol, Zilmar Fernandes, “a logística foi complexa e a iniciativa envolveu uma soma de esforços, desde de setores da assistência até um representativo quantitativo de colaboradores administrativos. Setores de suprimentos, vigilância, hotelaria e serviço de costura, incluindo colaboradores de todos os vínculos – UFRN, Ebserh e terceirizados, além da solidariedade de empresas privadas, como o grupo Guararapes”, enumera.

Uma das razões da complexidade citada pela gestora é a segurança desses Equipamentos de Produção Individual (EPIs), cujas normas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) contam com especificações técnicas na confecção dos materiais.

Segundo o chefe da Unidade de Vigilância em Saúde do Onofre Lopes, Raphael Nepomuceno, “a matéria prima utilizada é o não tecido trilaminado SMS e a iniciativa passou pelo aval do setor de Gestão da Qualidade e Vigilância em Saúde, justamente por atender aos requisitos mínimos estabelecidos pela RDC 356, da Anvisa”, explica.

A chefe da hotelaria, Mabel Figueiredo, destaca que “até o momento já foram produzidas 5.260 máscaras pelo Huol e outras 21.490 pela Guararapes confecções. Além disso, todas passam pela Central de Material e Esterilização (CME), antes de serem distribuídas”, enfatiza.

 

Sobre a Rede Hospitalar Ebserh

Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) administra atualmente 40 hospitais universitários federais, impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência.

Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas por atender pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, por apoiar a formação de novos profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas. Devido a sua natureza educacional, a Rede Hospitalar Ebserh atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde do país.