Complexo Hospitalar Universitário Professor Edgard Santos - HUPES

Universidade Federal da Bahia - UFBA

Serviços Serviços

Regulação e Avaliação em Saúde Regulação e Avaliação em Saúde

O Setor de Regulação e Avaliação em Saúde (SRAS) é responsável pela gestão da oferta de assistência a saúde, ambulatorial e hospitalar, processamento de informação assistencial, controle, monitoramento e avaliação das ações relacionadas à contratualização hospitalar com o gestor do SUS, bem como a relação do hospital com a Rede de Atenção à Saúde de Salvador e do estado da Bahia.

O SRAS está vinculado diretamente a Gerência de Atenção à Saúde; foi estruturado, consoante a Portaria MS n.º 3.390, de 30 de dezembro de 2013, que institui a Política Nacional de Atenção Hospitalar – PNHOSP no âmbito do Sistema Único de Saúde.

É responsável pela gestão da oferta de leitos; processamento de informação assistencial; controle, monitoramento, avaliação e ações da contratualização hospitalar com o gestor do SUS, bem como a relação do hospital com a Rede de Atenção à Saúde – RAS.

Coordenação: Valdira Gonzaga
Localização: CPPHO - 4º andar
Telefone: (71) 3283.8169
E-mail: sras.complexohupes@gmail.com
Dias e horários de funcionamento: de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h.

Atualmente o SRAS está organizado da seguinte forma

  • SETOR REGULAÇÃO E AVALIAÇÃO EM SAÚDE (SRAS)
    • UNIDADE DE GESTÃO E REGULAÇÃO AMBULATORIA (UGRA)
    • UNIDADE DE GESTÃO E REGULAÇÃO DE LEITOS (UGRL)
    • UNIDADE DE PROCESSAMENTO DE INFORMAÇÃO, MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO (UPIAMA)

UGRA

É a unidade responsável pela gestão do acesso para assistência ambulatorial dos pacientes do HUPES e procedentes da Central de Regulação Municipal e Estadual, para consultas especializadas e procedimentos de Serviço de Apoio Diagnóstico Terapêutico (SADT).

Chefia: Olga Britos dos Santos
Telefone: (71) 3283.8315 

UGRL

É a unidade responsável pelo gerenciamento de leitos do hospital de forma centralizada servindo de interface entre as Unidades de Saúde e as Centras de Regulação correspondentes, de forma integrada e pactuada, visando otimizar a utilização do leito hospitalar. Tem como objetivo facilitar, conduzir e acompanhar os movimentos dos pacientes, funcionando como elemento integrador da atividade assistencial, clínica e documental.

Chefia: Ana Karina Cerdeira
Telefone: (71) 3283.8030 

UPIAMA

É a unidade responsável pela gestão e monitoramento dos processos de informação e registros relacionados à assistência prestada aos pacientes assistidos no HUPES, no âmbito hospital e ambulatorial, de acordo com a capacidade instalada e o contrato de gestão.

Chefia: Adriana Almeida
Telefone: (71) 3283.8384

 

Descrição das atividades do SRAS

  1. Organização da estrutura necessária ao desenvolvimento das atividades de Regulação Assistencial e Avaliação em Saúde, incluindo constituição, capacitação e organização da equipe, bem como da estrutura física e tecnológica;
  2. Estruturação, organização, operacionalização do Serviço de Arquivo Médico e Estatística (SAME);
  3. Implementação de processos regulatórios intra-hospitalares, centrados no usuário, voltados à garantia de acesso oportuno às ações e serviços ofertados, na perspectiva da operacionalização das linhas de cuidado;
  4. Participação, junto à gestão do cuidado, da organização do fluxo assistencial intra-hospitalar, a partir do conjunto de ações e serviços de saúde contratualidades com o gestor do SUS;
  5. Implementação de mecanismos de gestão da oferta de leitos, consultas e SADT tendo em vista as necessidades assistenciais, o conhecimento da oferta, sua disponibilização em tempo oportuno e maior efetividade clínica;
  6. Elaboração, implantação e operacionalização dos protocolos de regulação assistencial de maneira articulada com a gestão do cuidado e harmonizada com os critérios de priorização de riscos e vulnerabilidades adotados pelo hospital;
  7. Registro regular, atualização e processamento, quando couber, dos sistemas SIMEC/SISREHUF, SCNES, SIA, SIH, SISREG e SISRCA ou outros que vierem a substitui-los; e envio regular do processamento ao gestor de saúde;
  8. Implementação de estratégias de qualificação do registro das informações de produção ambulatorial e hospitalar;
  9. Revisão sistemática de contas médicas incluindo a avaliação das internações e procedimentos ambulatoriais (Auditoria Clínica);
  10. Implementação de processo de revisão dos prontuários e laudos para emissão de AIH e de APAC;
  11. Envio sistemático ao setor de orçamento e finanças das informações financeiras de produção ambulatorial e hospitalar e da programação orçamentária da contratualização SUS;
  12. Monitoramento e avaliação da produção ambulatorial e hospitalar;
  13. Monitoramento e avaliação de indicadores de desempenho da regulação assistencial e da contratualização hospitalar com o gestor do SUS;
  14. Monitoramento e avaliação das metas da contratualização hospitalar com o gestor do SUS, em consonância com as definições estabelecidas no âmbito da Comissão de Acompanhamento da Contratualização - CAC;
  15. Elaboração dos relatórios de acompanhamento das metas contratualizadas com o gestor do SUS e discussão junto à equipe de governança do hospital;
  16. Disponibilização de informações estratégicas para a tomada de decisão pela governança para as questões da contratualização hospitalar;
  17. Implantação de Contratos Internos de Gestão conforme estabelecido na Politica Nacional de Atenção Hospitalar  - PNHOSP, com vistas ao cumprimento das metas contratualizadas com o gestor do SUS;
  18. Implementação de mecanismos de contrareferência dos usuários aos demais pontos de atenção da Rede de Atenção à Saúde - RAS, com vistas à continuidade do cuidado e alta responsável;
  19. Participação do processo de construção, avaliação e adequação dos protocolos de regulação adotados pelos gestores do SUS;
  20. Articulação sistemática com as estruturas regulatórias do SUS, com vistas a viabilizar a disponibilização de ações e serviços para regulação pelo gestor do SUS e aprimorar a regulação do acesso;
  21. Educação permanente para qualificação da regulação assistencial;
  22. Regulação do acesso, avaliação em saúde, auditoria clínica, gestão de leitos, estatística, epidemiologia, planejamento em saúde, sistemas de informação, acompanhamento de indicadores, etc.;
  23. Assessoria para análise e parecer de processos judicial quando solicitados pelo setor jurídico;