Notícias Notícias

Voltar

Cortes de cabelo de graça e entrega de presentes marcaram a penúltima semana de novembro no hospital universitario

Solidariedade em dobro

Cortes de cabelo de graça e entrega de presentes marcaram a penúltima semana de novembro no hospital universitario

“Não é o quanto fazemos, mas quanto amor colocamos naquilo que fazemos. Não é o quanto damos, mas quanto amor colocamos em dar” (Madre Teresa de Calcutá). Esse pensamento reflete as ações que os voluntários da Escola de Cabeleireiros Centher Hair e do Colégio Fátima realizaram semana de 18 a 22 de novembro no Hospital Universitário de Santa Maria.

Na segunda-feira (18), foram ofertados cortes de cabelo gratuito a funcionários e usuários do HUSM. A atividade aconteceu na Sala de Acolhimento Pós- Alta da Psiquiatria, espaço coordenado pelas enfermeiras Vera e Silvana. Dezesseis pessoas dar um “UP” no visual!

- Ficamos muito gratos em poder colaborar com nosso trabalho aqui no hospital -, relatou o professor Custódio, que há 3 anos é parceiro em várias datas comemorativas, como o Novembro Azul.

A alegria das pessoas, tanto dos profissionais que estavam proporcionando os cortes de cabelo, quanto dos que puderam usufruir os serviços era visível. Cuidar da aparência pessoal melhora a autoestima e deixa as pessoas mais felizes!

Na quarta-feira (20), foi a vez da Unidade de Internação Pediátrica e do Centro de Tratamento da Criança com Câncer (CTCriac) receberem um grupo de adolescentes e professores do Colégio Fátima. Eles entregaram bonecas de tecido, confeccionadas durante as aulas de artes, para presentear as crianças internadas. Alguns vieram fantasiados, outros com adereços de festa, e até cantaram ao som do violão da professora de música, Jade. 

- Foi emocionante, pois sabemos que as crianças e professores ficaram meses se preparando para este dia. Os olhinhos brilhavam na expectativa de conhecer e presentear as crianças do hospital – relata a psicóloga Adaiane Baccin, vice coordenadora do Grupo de Trabalho de Humanização (GTH).

Na brinquedoteca, as crianças e mães puderam ouvir músicas e cantar com o grupo, num clima de descontração e muito carinho. A ação despertou emoções positivas que são essenciais para a saúde e proporciona bem-estar a todos!

 A ótima notícia é que os participantes gostaram tanto que pretendem voltar!

As duas atividades tiveram o apoio e organização do Grupo de Trabalho de Humanização, que coordena as ações voluntariadas na instituição. Na página do HUSM (http://www2.ebserh.gov.br/web/husm-ufsm/estruturas/superintendencia/comissoes/gth), são encontradas mais informações.

 

Texto e fotos: Taiane Klein, psicóloga e coordenadora do GTH.

Os rostos das crianças internadas foram protegidos com uma estrelinha, para evitar a exposição conforme exige o Estatuto da Criança e do Adolescente.

 

 

Imagens: