Notícias Notícias

Voltar

MEAC realiza I Simpósio sobre doença trofoblástica gestacional (DTG)

DTG

MEAC realiza I Simpósio sobre doença trofoblástica gestacional (DTG)

Segundo a Sociedade Brasileira de Doença Trofoblástica Gestacional (SBDTG), acredita-se que haja 1 caso dessa doença para 200-400 gestações normais no Brasil. A DTG constitui um grupo de doenças da placenta conhecidas como mola hidatiforme completa e mola hidatiforme parcial, capazes de evoluir para formas invasoras e/ou malignas. Para atualizar conhecimentos acerca da DTG, a MEAC realizou no último dia 3 de maio o I Simpósio sobre Doença Trofoblástica Gestacional, organizado pelos obstetras Edson Lucena (chefe da Divisão de Gestão do Cuidado da MEAC) e Cecilia Ponte (coordenadora do Serviço de DTG na MEAC).

Com o auditório da Unidade de Pesquisa Clínica lotado de profissionais e residentes, a programação foi aberta pelo gerente de Atenção à Saúde da MEAC, Carlos Augusto Alencar Júnior. Em seguida, o presidente da SBDTG e professor de Obstetrícia da UFRJ e da UFF, Dr. Antonio Braga, apresentou a história da DTG no Brasil. Ele se revezou com a também médica Sue Yazaki Sun, professora de Obstetrícia da EPM/Unifesp nas exposições sobre classificação clínica, complicações clínicas e tratamento da gravidez molar; seguimento pós-molar, diagnóstico e estadiamento de NTG (neoplasia trofoblástica gestacional) e tratamento das NTG de alto e baixo riscos. O encontro foi encerrado com um momento para discussão com a participação da plateia.

O simpósio superou as expectativas dos organizadores. “Como Centro Regional de tratamento de DTG, ansiávamos por uma oportunidade de apresentação e discussão dos casos clínicos mais difíceis. A participação ativa dos inscritos e a acessibilidade dos palestrantes fizeram deste um grande evento”, avaliou o Dr. Edson Lucena.

Opinião dos participantes!

“Fiquei sabendo do evento através de colegas da SOCEGO. Gostei bastante de todas as palestras, principalmente pela oportunidade de ter atualizações nas pesquisas mais recentes” Ana Clara Pontes, Residente do César Cals

“O evento foi excelente. Fiquei feliz em notar que estamos no caminho certo e ainda vamos melhorar, pois estamos aprendendo cada vez mais formas de tratamento”
Ticiana Benevides, Residente R3 da MEAC

“Evento de altíssima qualidade. Parabéns ao Dr. Edson, à Dra. Cecília e aos demais que organizaram pelo sucesso. Os professores foram fantásticos em suas apresentações e disponibilidade. Espero que possamos ter outros!
Carlos Augusto Alencar Júnior, gerente de Atenção à Saúde da MEAC.

Imagens: